HORIZONTE

Fevereiro 17, 2007

chapadahorizonte.jpg

Procuro o horizonte que não vejo

Mas que está lá

O que lá vou encontrar…

Não sei!

Que muros que barreiras

Terei que derrubar, para lá chegar

Também não sei!

Mas será importante saber

Se há muitos escolhos a ultrapassar

Ou é apenas uma desculpa

Para nada fazermos!

Ficarmos parados, imóveis, estáticos

Será?

Não!

Parar…é desistir de viver

De avançar, de conhecer

Ter medo

É covardia!

E ser covarde, desistir sem lutar

É entregar-se

É não ter horizonte.

Anúncios

2 Responses to “HORIZONTE”

  1. poesiamgd Says:

    E quem sabe o caminho do horizonte?

  2. papagaio Says:

    O horizonte de cada um…teremos que ser nós a defini-lo
    O queremos, para onde vamos…se nos deixarmos embalar pelo marasmo, e pelo conformismo!
    Aí de certeza…não teremos horizonte.

    Beijinho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s